noticias

Marina Porto Esportivo de Itajaí (Saco da Fazenda - Itajaí)

O prefeito de Itajaí, Jandir Bellini, assinou ontem o contrato para início das obras da Marina do Saco da Fazenda. Parte do empreendimento, que custará R$ 38 milhões, deve ficar pronto até novembro para a regata Jacques Vabre.

Ao todo, a marina, que receberá o nome de Porto Esportivo, terá mais de 800 vagas para embarcações, sendo 700 secas e 117 molhadas. O prazo para início das operações no empreendimento, é de 18 meses a partir do início da obra. Apesar de assinatura oficial ter ocorrido ontem, a construção só poderá começar após o aval da Fatma.

A ideia inicial é que pelo menos 40 vagas para embarcações fiquem prontas até novembro, quando os veleiros da Jacques Vabre chegam a Itajaí.

O Porto Esportivo Itajaí terá 10 mil metros quadrados na parte seca e 120 mil metros quadrados de espelho d'água. Além das vagas, o empreendimento terá atrativos como lojas, restaurantes e até hotel.

Os espaços serão ocupados mediante locação e serão abertos ao público em geral. Apenas a parte das vagas será de acesso restrito aos proprietários. A parte de marina comporta barcos de até 130 pés, cerca de 40 metros.

O engenheiro Manuel Maier de Oliveira, da Consórcio KL Viseu, que administrará o Porto Esportivo, explica que não há marinas desse porte no Sul do país. O projeto é baseado no modelo que se aplica na Europa e foi idealizado por uma empresa espanhola. Oliveira acredita que por esses motivos e pela localização privilegiada o complexo será um sucesso.

— Foi feito um estudo e existia uma demanda reprimida na região, uma dificuldade muito grande em encontrar vagas. Temos pelo menos 17 estaleiros na região — diz.

O prefeito Jandir Bellini espera que o Porto Esportivo seja responsável pela criação de pelo menos 1,6 mil vagas de emprego diretas quando estiver em pleno funcionamento. Além do desenvolvimento do setor náutico.

— O polo náutico vai ter que produzir mais. Hoje nós já temos a Azimut que é um fabricante de embarcações de grande porte e a Fibrafort que é um dos maiores exportadores de barcos de pequeno e médio porte em Itajaí e isso vai aumentar.



Ler mais noticias
Voltar
Voltar